Pontes entre o mercado e a universidade

31/07/2019

O investimento da Cinnecta em pesquisas na Universidade Federal de Viçosa (UFV) foi tema de matéria no jornal Estado de Minas. No projeto, que existe desde 2016, a empresa oferece bolsas, time e estrutura aos alunos. Eduardo Ferreira, CEO da Cinnecta, revela que já na fundação da empresa, com o sócio Ricardo Ferreira, nasceu a ideia de investir em ciência ao lado da academia. “Para os alunos, é uma possibilidade de interagir com o mundo corporativo antes de se formar. Lidam com problemas e situações reais do dia a dia da empresa. Além disso, eles também têm acesso a recursos tecnológicos e insumos. Para nós, esse contato com a visão acadêmica estimula a busca por inovação e conhecimento.”

Para Fabrício Silva, pesquisador da UFV e doutor em ciência da computação, um dos maiores ganhos, tanto para a universidade quanto para a empresa, é a possibilidade de aplicar os resultados das pesquisas acadêmicas no dia a dia do negócio. “Assim, conseguimos gerar um retorno para o mercado e evitamos que os resultados das pesquisas não se percam nem fiquem restritos à academia”, explica.

◽A Cinnecta atua na área de inteligência de dados e foi investida pelo Fundo Criatec 3 (gerido pela Inseed e criado pelo BNDES) em 2016.

Leia a notícia completa.